OS BENS CULTURAIS E SUA IMPORTÂNCIA

Olá delegados, esperamos que estejam todos bem e animados para o nosso evento. Hoje, o nosso post vai explicar sobre o que de fato são bens culturais e qual a sua importância para o mundo.

A existência de bens culturais está intrinsecamente ligada à existência humana, sendo a cultura um aspecto indissociável da nossa vida e natureza. Muito antes de se existir a concepção de bens, cultura, arte, propriedade, esses elementos faziam parte da vida dos indivíduos e comunidades. Distintos de outros objetos materiais, o que reconhecemos hoje enquanto bens culturais são subprodutos da valorização atribuída pelo ser humano em seu tempo e espaço.

Essa diferenciação é observada em todos os momentos da história; em diversos povos e civilizações, bens de caráter religioso, por exemplo, eram colocados em templos, venerados e protegidos, assim como obras de arte e artefatos de importância e valor social eram tratados de forma distinta de bens como móveis, moedas, ouro, prata, etc. Entretanto, o termo “bens culturais” (cultural property) é formalizado somente após a Segunda Guerra Mundial, sendo utilizado pela primeira vez na Convenção da UNESCO sobre a Proteção de Bens Culturais em Caso de Conflitos Armados, de 1954, e melhor definido na Convenção de 1970.

De acordo com o Art. I dessa última Convenção (1970), bens culturais são quaisquer bens que, por motivos religiosos ou profanos, tenham sido expressamente designados por cada Estado enquanto importantes para a arqueologia, a pré-história, a história, a literatura, a arte ou a ciência. Assim, diversos tipos diferentes de bens, desde obras de arte, artefatos históricos, descobertas arqueológicas, pedaços de monumentos, até fósseis, podem ser considerados como bens culturais e serem parte do patrimônio cultural dos países.

Por estarem intimamente ligados à história e à cultura das nações e dos povos, serem evidências únicas do passado e parte integrante da herança e identidade dos indivíduos e comunidades, os bens culturais possuem enorme importância para o mundo e para todas as nossas vidas. Esses objetos carregam e transmitem uma riqueza de conhecimentos e valores que nos possibilitaram, por exemplo, engajar em práticas democráticas e desenvolver muitos conhecimentos históricos e científicos. Sempre estamos aprendendo com o passado e com as pessoas e civilizações que viveram muito antes de nós, tudo através dos estudos das evidências materiais deixadas por eles.

Por conta dessa excentricidade, a destruição, o dano e o tráfico ilícito de bens culturais possuem um grave efeito prejudicial à integridade do patrimônio cultural dos Estados e de toda humanidade, muitas vezes irreparável, ferindo e negando a identidade de culturas e povos, além de minar todo conhecimento e memória coletiva.

FONTES:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: